Publicado por: ferdesigner | 04/06/2014

Google cria fundo de US$ 250 milhões para popularizar energia solar

energia-solar-ecod.jpg

O Google compra os sistemas de painéis solares e os aluga aos proprietários de casas a um custo que é menor do que a fatura de eletricidade normal
Foto: skrobotic

Muitas pessoas gostariam de instalar painéis fotovoltaicos em casa para gerarem a própria energia, todavia, o preço do investimento, que no Brasil beira os R$ 20 mil, ainda é um empecilho a se considerar, mesmo que haja retorno no médio e longo prazo.

Por essa razão, o Google criou um fundo de US$ 250 milhões, em parceria com a fabricante de painéis SunPower, que torna a instalação desses sistemas mais barata para os norte-americanos.

Por meio do fundo (US$ 100 milhões do Google e US$ 150 milhões da SunPower), o Google compra os sistemas de painéis solares e os aluga aos proprietários de casas a um custo que é menor do que a fatura de eletricidade normal.

A Resolução 482/2012 da Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica) permite que qualquer pessoa possa instalar energia solar em casa, contudo, é necessário o investimento nos painéis fotovoltaicos – que convertem a energia do sol em eletricidade

“Então, neste programa, você não apenas ajuda o meio ambiente, você também pode economizar dinheiro”, diz a empresa no post em seu blog.

Este é 16º investimento da gigante da internet em energia renovável e o terceiro em programas para instalação de painéis solares residenciais (os outros são com SolarCity e a Clean Power Finance). No geral, o Google já investiu mais de US $ 1 bilhão em projetos no setor em todo o mundo.

No Brasil

Aqui no Brasil, uma iniciativa semelhante (guardadas as devidas proporções) foi lançada em maio de 2013 pelo Instituto Ideal em parceria com o Grüner Strom Label (GSL – Selo de Eletricidade Verde da Alemanha) e com o apoio da Cooperação Alemã para o Desenvolvimento Sustentável.

O Fundo Solar, que tem recursos iniciais de 25 mil euros (cerca de 65 mil reais), deve ser solicitado por proprietários de residências ou empresas antes da instalação do sistema fotovoltaico na edificação. O repasse do recurso financeiro será feito após o sistema estar em operação, gerando energia e conectado à rede.

A Resolução 482/2012 da Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica) permite que qualquer pessoa possa instalar energia solar em casa, contudo, é necessário o investimento nos painéis fotovoltaicos (e no serviço de instalação) – que convertem a energia do sol em eletricidade. Posteriormente, a empresa concessionária local instala o medidor digital, sendo que o excedente energético gerado pode ser disponibilizado na rede.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: