Publicado por: ferdesigner | 28/06/2013

Brasil: 200 milhões de habitantes

Brasil: 200 milhões de habitantes

A divisão de população da ONU (UN/ESA) divulgou, no dia 13 de junho de 2013, o relatório “Perspectivas da População Mundial: Revisão de 2012” e atualizou o banco de dados para todos os países do globo. A população mundial foi estimada em 7,2 bilhões de habitantes em 2013, devendo chegar a 9,6 bilhões em 2050 e 10,9 bilhões em 2100.

Segundo a UN/ESA, o Brasil deve atingir 200 milhões de habitantes ainda em 2013. Evidentemente, toda estimativa tem uma certa margem de erro. Mas o número oficial mais atualizado vai ser divulgado pelo IBGE no dia 29 de agosto de 2013, quando o Instituto divulgará as novas projeções demográficas com base nos dados do censo 2010.

O Brasil tinha cerca de 3,4 milhões de habitantes em 1800, passou para 17,4 milhões de habitantes em 1900 e chegou a cerca de 170 milhões na virada do milênio, segundo as séries históricas do IBGE. Ou seja, partindo de uma base baixa, o crescimento demográfico foi de 5 vezes no século XIX e de 10 vezes no século XX. Em 200 anos a população brasileira cresceu 50 vezes. Mas os cenários para o século XXI são bastante diferentes.

O censo 2010 indicou uma população de cerca de 191 milhões de pessoas. Porém, no momento de construir as projeções populacionais é preciso fazer um conciliação censitária e corrigir a subnumeração inerente a todo levantamento censitário. Neste sentido, as projeções da ONU, revisão 2012, indicam uma população brasileira de quase 195 milhões de habitantes em 2010, sendo que a marca de 200 milhões deve ser atingida ainda no começo do segundo semestre de 2013.

A ONU trabalha com 3 cenários de projeção. O que mais influencia estes cenários são as taxas de fecundidade. Na projeção média, a população brasileira deve atingir o pico de 231,2 milhões de habitantes em 2049 para em seguida iniciar uma fase de declínio até atingir 194,5 milhões de habitantes em 2100. Na projeção alta, a população brasileira seria de 330,9 milhões de habitantes em 2100 e, na projeção baixa, de 107,2 milhões de habitantes.

Na última projeção do IBGE, de 2008, a população brasileira atingiria 200 milhões de habitantes no segundo semestre de 2014 e chegaria ao pico de 219,1 milhões em 2039, caindo para 215,3 milhões de habitantes em 2050.

Ou seja, depois de crescer 50 vezes entre os anos de 1800 e 2000, a população brasileira deve apresentar crescimento próximo de zero entre 2010 e 2100, com aumento demográfico na primeira metade e decrescimento na segunda metade do século XXI.

Existe uma curiosidade sobre quando o Brasil vai atingir 200 milhões de habitantes. Porém, é preciso aguardar os números mais atualizados que serão divulgados pelo IBGE, no dia 29 de agosto de 2013, quando será publicada a “Projeção por sexo e idade da População do Brasil e das Unidades da Federação” para o período 2000 a 2060.

Segundo Nota Técnica do IBGE, comparativamente às revisões anteriores, as alterações introduzidas na edição de 2013 das projeções serão: “1) O ano de partida da projeção do Brasil será 2000 e o horizonte 2060, e para as Unidades da Federação, 2000 e 2030, respectivamente; 2) A estrutura por sexo e idade da população de partida passará por um processo de conciliação com as distribuições observadas nos Censos Demográficos 1991, 2000 e 2010. A conciliação censitária visa primordialmente definir a coerência entre os parâmetros demográficos estimados para o período 1991 – 2010 com a população de partida conciliada”.

O Brasil é atualmente o quinto país mais populoso do mundo. A marca de 200 milhões de habitantes é um bom momento para se refletir sobre as tendências históricas e sobre as oportunidades e desafios da dinâmica demográfica brasileira.

Referências:

IBGE. Nota Técnica da Diretoria de Pesquisas, de 13 de maio de 2013

http://www.ibge.gov.br/home/presidencia/noticias/pdf/nota_tecnica_projecao_da_populacao_2013.pdf

UN/ESA. World Population Prospects: The 2012 Revision,http://esa.un.org/unpd/wpp/index.htm

José Eustáquio Diniz Alves, Colunista do Portal EcoDebate, é Doutor em demografia e professor titular do mestrado em Estudos Populacionais e Pesquisas Sociais da Escola Nacional de Ciências Estatísticas – ENCE/IBGE; Apresenta seus pontos de vista em caráter pessoal. E-mail: jed_alves@yahoo.com.br

EcoDebate

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: